Assessoria de imprensa reativa

Assessoria de imprensa reativa

Por Núbia Neves

Nem só de notícias positivas vive uma empresa. Verdades ou mentiras são usadas contra empresas, produtos e serviços todo o tempo na mídia. Esse é mais um dos motivos que comprovam a importância de ter uma assessoria de imprensa. Quando trabalhamos com empresas ou assuntos polêmicos, é muito importante que estejamos sempre preparados para lermos matérias que coloquem em cheque a confiabilidade das marcas.

É impossível controlar a mídia. Blogueiros, sites, formadores de opinião, publicam a toda hora informações que podem ser opiniões pessoais ou possuírem embasamentos e comprovações. Essas matérias são difíceis de serem previstas. Por isso, manter o monitoramento em todos os tipos de mídia é a melhor forma para estar preparado.

Através da checagem diária, assim que uma matéria negativa é publicada é possível entrar em contato com o jornalista ou com o especialista usado como fonte para a notícia. É muito importante que a empresa, juntamente com a assessoria de imprensa, prepare um Q&A (Questions and Answers) que preveja perguntas e respostas com informações negativas e positivas que podem ser ditas. Com esse material em mãos, o contato com quem disseminou a informação é muito mais ágil e eficaz.

É importante ter em mente que nem sempre as informações negativas geradas por um veículo jornalístico são culpa do jornalista. Os repórteres e editores têm como obrigação consultar especialistas sobre os assuntos que vão tratar, e esses especialistas, normalmente, têm embasamento para tratar desses assuntos. Portanto, tenha sempre que possível preparadas suas “provas” de que o que estão dizendo está errado.

Pode ser que a matéria não seja modificada, principalmente quando se trata de um material impresso, porém, se conseguirmos mostrar para o jornalista que a informação não era correta, a chance dela se repetir é muito pequena. Além disso, no melhor dos casos, a empresa ou produto, pode entrar na lista de porta-vozes do jornalista, fazendo com que sejam procurados para uma próxima matéria.

* Núbia Neves é Assessora de Imprensa na Race Comunicação

Interessado nesse assunto? Clique aqui e veja mais informações sobre esse e outros serviços oferecidos pela Race Comunicação.

Gostou do artigo?

O que é um Q&A?

Por Rogério Artoni

Q&A, ou Questions and Answers, (do português: perguntas e respostas) é uma ferramenta bastante utilizada em assessoria de imprensa. Este documento, muitas vezes sigiloso, contém possíveis perguntas e também prováveis respostas para muitos assuntos de uma empresa, serviço ou produto.

Para cada ação com a imprensa é possível preparar um Q&A que preveja as prováveis perguntas de um jornalista. Desta forma, o porta-voz se prepara melhor para uma entrevista e não é pego de surpresa na hora daquela pergunta mais complicada de se responder.

Para preparar um Q&A é muito importante ter em mente o que um jornalista pode perguntar em torno daquele assunto. Imagine que uma empresa pegou fogo e haverá uma coletiva de imprensa. No momento que a coletiva é aberta para perguntas, pode haver questionamentos que o porta-voz não saiba responder e neste momento o Q&A será útil, pois terá uma reposta pensada, para que ele não fale algo que comprometa a empresa.

Cada companhia pode ter diversos Q&As preparados para situações específicas: um institucional, um para crises, um para cada produto ou serviço, um apenas para questões de recursos humanos, entre outros casos que surgirem e que necessitem de um contato com a imprensa.

Para ser o mais estratégico possível, este documento deve ser respondido em conjunto com a assessoria de imprensa, departamento de comunicação da empresa e muitas vezes até mesmo com o departamento jurídico. É importante também que o porta-voz tenha em mente todas as respostas previstas no Q&A para que as informações estejam alinhadas com as estratégias da companhia.

* Rogério Artoni é diretor da Race Comunicação

Interessado nesse assunto? Clique aqui e veja mais informações sobre esse e outros serviços oferecidos pela Race Comunicação.

Gostou do artigo?

A importância da assessoria de imprensa para empresas internacionais

Por Alan Mariasch

O Brasil nunca esteve tão em evidência no mundo e cada vez atrai mais a atenção de organizações multinacionais. E não apenas por causa da Copa do Mundo, mas graças ao grande potencial de sua economia, que apesar de muitos desafios burocráticos, sociais e gargalos logísticos, cresce num ritmo mais acelerado do que tradicionais potências como Itália e Espanha. Mas em termos de comunicação e relacionamento com a imprensa, como as empresas estrangeiras devem se planejar quando desejarem se estabelecer no Brasil?

Para Alice Bonasio, gerente de comunicação do Mendeley, rede social para pesquisadores acadêmicos com sede em Londres e atuação mundial, há inúmeras vantagens em uma empresa multinacional contratar uma agência de comunicação brasileira, quando desejar abrir um escritório ou expandir suas operações por aqui: “Além do lado logístico, para mim a vantagem mais importante é ter uma presença local que entenda como funciona o mercado, saiba quem são as pessoas influentes, e que já cultive relacionamentos com essas pessoas. Isso te dá a habilidade de construir seus planos com muito mais confiança, pois sabemos que, tendo uma boa ideia, essa ideia vai chegar aos ouvidos certos”.

Algumas empresas optam por realizar o trabalho de assessoria de imprensa a partir da matriz, localizada no exterior, mas sem obter os mesmos resultados. “Relações públicas, no final das contas, são sobre relacionamentos, e o elemento de estar perto, fisicamente, acaba contando. E-mail e telefone são ferramentas úteis e eu mantenho contato direto com muitos jornalistas no mundo inteiro, mas no final das contas, muitas ideias só rolam mesmo num almoço ou com um cafezinho. Tendo uma assessoria de imprensa que entenda a sua empresa e trabalha como uma extensão dela, você tem muito mais opções”, afirma Alice.

A escolha da agência deve ser um processo bem criterioso. A empresa necessita explicar exatamente quais são suas expectativas no país e a agência precisa ser realista e alinhar a demanda do cliente com aquilo que é possível de ser realizado. Alice acredita que “a seleção deve ser feita com cuidado e com honestidade dos dois lados. O cliente tem que ser muito honesto quanto às expectativas (resultados esperados, dentro de quanto tempo, etc) e a agência tem que ser transparente sobre o número de pessoas que vão trabalhar diretamente com ela, quantas horas serão dedicadas ao atendimento, quais os meios de comunicação e como será medido o sucesso desse trabalho”.

Por fim, não basta apenas contratar a melhor agência, mas é necessário fornecer a ela as condições para que desempenhe o melhor trabalho. “Um porta-voz que fale português é muito útil, pois dá aquele senso de conexão com o mercado brasileiro, mas o mais importante é ter uma história boa para contar, através da qual você possa promover a empresa e tudo aquilo que ela representa. Mas eu acredito que uma boa assessoria de imprensa te ajuda não só a chegar nas pessoas, mas por entender o mercado e as necessidades de cada jornalista e veículo, ela vai te ajudar a criar campanhas e histórias relevantes e de alto impacto para promover a sua empresa”, conclui Alice.

* Alan Mariasch é Executivo de Contas na Race Comunicação.

Ficou interessado sobre o assunto? Clique aqui e veja mais informações sobre esse e outros serviços oferecidos pela Race Comunicação.

Gostou do artigo?

Race Comunicação é assessoria de imprensa da Prodata – Gestão Estratégica

Empresa líder de mercado, fornece soluções em software de gestão para diversos municípios brasileiros

Goiânia, 20 de fevereiro de 2014 – Desde o início de fevereiro a Race Comunicação – Goiás, é responsável pelo atendimento em assessoria de imprensa da Prodata, empresa de sistemas de gestão que desde 1985 fornece soluções em software de gestão pública e privada. A companhia, localizada em Goiânia (GO), tem como foco a excelência na criação de softwares personalizados que facilitam a gerência de forma integrada. Líder no segmento de médios e grandes municípios, está presente em Goiás e em diversos estados brasileiros.

Atualmente, a Prodata presta serviços para a maioria das prefeituras goianas como de Aparecida de Goiânia, Rio Verde, Senador Canedo, Caldas Novas, Catalão e Itumbiara. Em Goiânia, a empresa é responsável pelo sistema implantado na Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, Câmara Municipal de Goiânia, além de prefeituras e outros órgãos nos estados de Minas Gerais, Tocantins, Mato Grosso e Pará.

A busca contínua pela qualidade faz com que a empresa aprimore cada vez mais seus produtos. Seu grande diferencial está no alto nível de especialização de seu corpo técnico aliado ao investimento em tecnologia de ponta.

Software de Gestão Pública

A Prodata criou o Sistema Integrado de Gestão Estratégica, uma ampla rede de gerenciamento que garante a cobertura de todos os setores da gestão pública, em módulos totalmente integrados, o que reduz custos, otimiza processos e torna mais transparente a utilização dos recursos utilizados.

Os softwares personalizados da Prodata garantem ao prefeito de cada cidade, e seu secretariado, o acesso instantâneo às informações de sua administração. Isso possibilita um total controle da gestão de forma descomplicada, facilitando a tomada de decisão e agilizando soluções nas diversas áreas que englobam a gestão pública.

“O sistema ainda traz outras facilidades como o serviço mobile em que o prefeito pode monitorar todas as ações implementadas no município, de qualquer local, através do seu tablet ou smartphone” afirma o diretor presidente da Prodata, Wagner Pires Lobo.

Sobre a Race Comunicação: 

A Race Comunicação é uma agência especializada em comunicação empresarial, fundada em maio de 1999, em São Paulo. A empresa, dos sócios Rogério Artoni e Lívia Caixeta, possui escritórios na capital paulista e em Goiânia (GO), com atuação em veículos de imprensa em todo o território nacional. Atualmente, possui clientes em atendimento nos segmentos: farmacêutico, shopping centers, alimentação, indústria de bebidas e multinacionais de engenharia e redes sociais.

Sobre a Prodata: 

A Prodata é uma empresa de sistemas de gestão que desde 1985 fornece soluções em software de gerenciamento. A companhia, localizada em Goiânia (GO), tem como foco a excelência na criação de softwares personalizados que facilitam a gerência de forma integrada. A empresa é líder no segmento de médios e grandes municípios e está presente em diversas cidades goianas, além de prefeituras e outros órgãos nos Estados de Minas Gerais, Tocantins, Mato Grosso e Pará.

Informações para a Imprensa: 
Race Comunicação
(62) 3587-3207

Beatriz Carvalho – beatrizcarvalho@agenciarace.com.br
Lívia Caixeta – liviacaixeta@agenciarace.com.br

Gostou do artigo?