Medindo resultados em uma consultoria de comunicação

Consultoria de comunicação

Por Rogério Artoni

Encarar mudanças é sempre muito difícil, mais ainda para as companhias. Se algo não está indo bem, considerar que uma empresa está indo no rumo errado já é um primeiro passo para essa mudança – por vezes, com o apoio de uma consultoria de comunicação.

Normalmente as áreas de comunicação institucional ou empresarial das empresas apostam alto numa troca de posicionamento. Essa alteração na forma como uma companhia se comunica com seus públicos normalmente é feita por uma consultoria de comunicação, mas sempre em parceria com a própria empresa. Essas consultorias de comunicação (como a própria Race Comunicação) são as responsáveis pela elaboração de um plano que traça esse novo caminho.

Normalmente um plano de comunicação determina, através de pesquisas e análises, quais são os públicos-alvo, objetivos de comunicação, social e buyer personas, determina como se comunicar com esses públicos, de que forma, em que tom, determina metas, traça estratégias, refaz o brand book, repensa toda a comunicação da empresa, seja ela direcionada para o público interno ou externo.

Entenda a seguir porque chamar uma consultoria de comunicação pode ser estratégico para sua empresa se você está enfrentando problemas ou um momento de estagnação, e como entender se o trabalho desenvolvido está trazendo os resultados almejados.

Por que uma consultoria de comunicação?

Fazer uma comunicação integrada é fundamental e uma consultoria de comunicação pode ajudar muito a integrar o marketing digital e o inbound marketing, o endomarketing, as ações de marketing, a comunicação interna, a gestão das redes sociais e a assessoria de imprensa, entre outras ferramentas utilizadas pela comunicação de uma empresa.

Mas tudo isso precisa ser mensurado e uma consultoria de comunicação também precisa ser medida. Então, entender se uma consultoria trouxe mesmo os resultados esperados é um caminho necessário para poder comprovar a eficácia e a eficiência das mudanças.

Em quais métricas se basear?

Uma infinidade de dados está à disposição das equipes de comunicação – número de curtidas, seguidores, visualizações, cliques, comentários… São tantos que, sem experiência e foco, o profissional pode e perder e não saber apontar o que é mais relevante para o cliente naquele momento específico, de acordo com o canal utilizado.

O trabalho de consultoria pode se apoiar nas métricas de cada uma das ferramentas já utilizadas. Ou seja, se a assessoria de imprensa já tem suas métricas, elas serão uma base para medir a mudança sugerida pela consultoria. Se inbound já tem suas formas de medir, elas serão usadas também na consultoria.

O que é importante comparar?

Se você não tem um retrato fiel de como as coisas estavam antes da consultoria iniciar seus trabalhos… pode ser que você não tenha material para comparar depois! Isso pode atrapalhar se você quiser entender o que não estava funcionando e quais mudanças foram bem-vindas na comunicação de sua empresa.

Depois das alterações serem colocadas em prática, novas pesquisas podem ser o melhor caminho para se medir os trabalhos de consultorias, mas para se ter parâmetros se faz é necessário elaborar pesquisas prévias ou ter dados antes de iniciar o trabalho de consultoria e ter dados para uma possível comparação entre o “antes” e o “depois”.

Fazer pesquisas de clima, avaliação de desempenho da comunicação da empresa, focus group, pesquisas de profundidade, avaliação os veículos de comunicação da empresa, media audit; existem várias formas de se analisar se a consultoria de comunicação está sendo eficaz e trazendo os resultados que se espera.

Caso sua empresa esteja precisando de uma consultoria de comunicação ou mesmo medir os resultados em comunicação, entre em contato com a equipe da Race Comunicação e saiba como podemos ajudar.