Comunicação interna para millennials

Saiba como a comunicação interna das empresas pode ser mais eficiente na era dos millenials

Por Bárbara Christan

A comunicação interna exerce papeis fundamentais para o dia a dia das empresas. Através dela, é possível estabelecer um canal de conversa entre a diretoria e os funcionários e promover a colaboração e o espírito de equipe entre os colaboradores. Mas, nos dias de hoje, a comunicação interna tem alguns desafios na era digital, na qual as redes sociais são protagonistas da disseminação de notícias e a geração dos millenials é a nova força de trabalho.

A geração Y, mais conhecida como millennial, representa 8,3 milhões de consumidores brasileiros, segundo dados do Serasa Experian com o Geofusion. Os millenials envolvem pessoas nascidas de 1980 a 1994, que desde muito cedo têm contato com a internet e a tecnologia digital.

O comportamento millennial é muito diferente das gerações anteriores, principalmente no ambiente profissional. É uma postura incisiva e que prioriza sempre o bem-estar dentro do emprego, antes de qualquer outro benefício ou salário. Millennials não são tão atraídos por altos salários, e sim jornadas e modelos de trabalho flexíveis, que permitem maior qualidade de vida. Aliás, a qualidade do que desenvolvem é muito mais valorizada e priorizada que a quantidade de tarefas que realizam. E, além de tudo isso, o principal: querem trabalhar com propósito. Querem acreditar e gostar do que fazem. Por isso, sempre partem em busca de vagas melhores, não se apegando ao mesmo lugar por anos e anos, como nas gerações anteriores.

Comunicação interna: por onde começar?

Isso posto, o perfil da geração Y demanda novas formas de comunicação interna empresarial. Para reter funcionários que estão sempre buscando a realização profissional onde quer que ela esteja, algumas estratégias são necessárias:

  1. A linguagem é essencial dentro do planejamento: uma comunicação mais jovial, leve e atualizada;
  2. Incentivar protagonistas e embaixadores, escutar e dar voz aos jovens millennials – eles têm muito a contribuir para o crescimento da empresa;
  3. Desafiá-los, incentivando sempre seu desenvolvimento pessoal e de carreira, também é algo esperado e desejado;
  4. Ações de endomarketing: envolva os funcionários em ações e inciativas da empresa que promovam o engajamento, a integração e o orgulho em pertencer.Para saber mais sobre comunicação interna, veja outros textos do blog da Race Comunicação ou entre em contato conosco!
Gostou do artigo?