O que é o Social Media Training?

Por Rogério Artoni

Todas as empresas e instituições podem ter muitos ou poucos porta-vozes, que atendam jornalistas e falem realmente em nome de um negócio. Contudo, muitas destas entidades e companhias ainda não se deram conta de que com as redes sociais, hoje qualquer funcionário é um potencial porta-voz – em uma dimensão menor, mas ainda sim, no mínimo um porta-voz “não-oficial”.

Sem o treinamento adequado, esse funcionário pode querer divulgar ações e informações a que tem acesso, mas sem pensar no alinhamento com a estratégia da empresa, no planejamento estratégico, na missão, nas visões ou mesmo nos valores da instituição. Treiná-los para falar com a imprensa e em mídias sociais pode ser uma solução viável e com um alto impacto positivo, capacitando esse profissional a se comunicar de forma mais alinhada com o que a empresa espera, promovendo a companhia e ele mesmo.

O grande ponto é se fazer perguntas como:

Por que o colaborador de minha empresa vai querer fazer um treinamento desses? Por que treinar o funcionário para falar pela empresa nas redes sociais? Qual é a vantagem de um treinamento de social media?

Respondo: Porque o funcionário ganha visibilidade no mercado, já que os recrutadores estão cada vez mais avaliando as redes sociais das pessoas. Porque ele colabora espalhando o conteúdo produzido pela empresa. Porque ele é um embaixador da sua marca e a opinião dele vale muito.

Vamos imaginar que você vai comprar um carro e uma amiga sua trabalha em uma grande montadora e diz barbaridades sobre a empresa, sobre o clima e sobre a forma como os carros são produzidos. Você vai mesmo comprar um carro desta marca? Fazendo esse mesmo exercício, só que pensando para o lado positivo, o comentário de um funcionário elogiando a empresa nas redes sociais pode trazer os melhores talentos, ajudar a vender mais e melhorar a imagem da empresa perante todos os públicos.

Por esse motivo, criamos aqui na Race Comunicação um treinamento, pioneiro no Brasil, direcionado para colaboradores que podem ou não ser porta-vozes, mas focado em redes sociais. Este exercício consiste em apresentar para os funcionários as funcionalidades das redes sociais, como se aproveitar das mais diversas plataformas e, desta forma, favorecer a empresa e também o próprio funcionário.

Neste treinamento de mídias sociais acontece a apresentação das principais redes, discussão de cases e exercícios práticos em durações que podem variar entre quatro e 16 horas, dependendo do tamanho da turma. Contudo, antes de iniciar esse treinamento ajudamos a empresa a criar uma política de posicionamento nas redes sociais, que irá balizar a atuação dessas pessoas nas redes.

Assim como em um media training (treinamento de imprensa) tradicional, os funcionários estão se tornando, cada dia mais, porta-vozes das empresas. Mesmo que não sejam autorizados a falar, uma declaração mal interpretada nas redes sociais pode acarretar em crises de imagem sem precedentes. Este treinamento visa explorar como a empresa e funcionários podem se beneficiar das redes sociais, o que postar e o que não postar, os cuidados com a própria imagem, etc.

Caso queira saber mais sobre este treinamento, marque uma reunião com o nosso time de diretores e saiba como podemos ajudar a treinar os seus funcionários para falarem nas redes sociais.

Gostou do artigo?