O que é Inbound Marketing?

Por Rodolfo Zanchin

 

Se você chegou a esse texto, provavelmente viu ou ouviu em algum lugar que inbound marketing está relacionado com produção de conteúdo online. Acertei? É mais ou menos por aí, mas vamos refletir um pouco e entender juntos onde está o ponto crucial da existência desse trabalho.

Tente lembrar como era realizada uma compra nos anos 60 a 90. De forma simples, o potencial cliente interessado no produto telefonava ou ia até uma loja e questionava o vendedor sobre as principais vantagens em adquirir o produto. Caso o vendedor tivesse boa desenvoltura e capacidade de convencer o cliente, a compra era efetuada.

Agora, pense quando você está interessado em adquirir um produto hoje em dia, o que você faz? Tenho certeza que, na maioria das vezes, você faz uma busca na internet sobre os diferentes tipos e qualidades do que deseja comprar, certo? É nesse ponto que o inbound marketing começa a fazer sentido, já que consiste na transmissão de conhecimento ao consumidor.

Para começar a entender o inbound marketing, precisamos entender a metodologia desse trabalho. Vejamos a figura abaixo:

Fonte: Hubspot

 

A metodologia inbound consiste em transformar um desconhecido em cliente e promotor da sua marca por meio do seu site. Para isso, ele precisa passar por alguns processos: de desconhecido para visitante do site, por meio de posts no blog e divulgação em redes sociais; de visitante para lead (conhecido), por meio do preenchimento de formulários para reter dados; de lead para cliente, por meio de e-mails personalizados para gerar afinidade; de cliente para divulgador, para que a sua marca tenha ótimas referências e gere novos clientes.

Tendo isso em mente, é preciso pensar nas etapas que um possível comprador precisa passar até efetuar a compra

Fonte: Hubspot

  1. Estágio de conscientização:

Essa etapa consiste na conscientização, por parte do comprador, do possível problema que ele possui. Usando um exemplo da área: o diretor de comunicação de uma grande empresa percebe que as vendas estão caindo e está em dúvida se o problema está na comunicação de sua equipe. Ele provavelmente tentará buscar na internet como a comunicação de equipe pode afetar as vendas. Concorda?

Nesse momento, cabe as empresas que fazem o serviço de comunicação interna, por exemplo, esclarecem o caso por meio de posts em blogs (que facilitam o acesso), sem tentar vender o seu produto logo de primeira, nessa fase o intuito é apenas nutrir o conhecimento do diretor e dar a certeza que este é o problema da sua equipe.

 

  1. Estágio de consideração:

No estágio de consideração, partimos do pressuposto que o diretor já tenha entendido que há um problema de comunicação da sua equipe e esteja procurando soluções para isso. Nessa fase, o intuito é apresentar por meio de e-books ou webinar – com o intuito de gerar lead – como o treinamento da equipe pode ser uma boa alternativa para aumentar a comunicação da equipe e potencializar resultados de vendas. Mais uma vez, sem apresentar produtos ou serviços. Como finalidade, esperamos que o diretor tenha certeza de que precisa implementar o treinamento.

 

  1. Estágio de decisão:

Após nutrir o conhecimento do possível cliente e indicar uma solução eficaz para o problema, chegou o momento de apresentar produtos ou serviços da sua empresa, como o trabalho de comunicação interna, jornal mural, intranet etc. A partir do momento que o diretor teve certeza do problema, entendeu as soluções e soube que você oferece esse serviço, ele estará apto a fechar negócio com a sua empresa.

 

Caso tenha interesse no trabalho de inbound marketing, entre em contato conosco.

contato@agenciarace.com.br
+55 (11) 2894-5607 / 2548-0720
Gostou do artigo?